Mortalidade por acidentes de transporte em São Paulo

Estudo do projeto Primeira Análise da Fundação Seade. Saiba como, com quem, quando e onde ocorrem os acidentes fatais de transporte no Estado de São Paulo; números ainda são muito elevados em relação a países desenvolvidos.

De 1980 a 2010, cerca de 950 mil pessoas morreram em razão de acidentes de transporte no Brasil. Ocorrem no Estado cerca de 20 mortes por 100 mil habitantes a cada ano, taxa inferior à média brasileira, mas sete vezes a verificada no Reino Unido.
A Região Metropolitana de São Paulo apresenta os menores níveis de mortalidade, mantendo-se abaixo de 15 óbitos por 100 mil habitantes.
A análise mostra que os acidentes no Estado se concentram, temporalmente, nos fins de semana e, geograficamente, nas cidades cortadas por rodovias.
As mortes no trânsito acontecem mais entre homens do que entre mulheres – os atropelamentos são mais frequentes entre as pessoas mais velhas, ao passo que os acidentes de motocicleta atingem os grupos mais jovens. Os dados ressaltam a relevância de medidas preventivas, com destaque para a fiscalização no trânsito.

Deixe um comentário

por | 7 de outubro de 2013 · 12:50

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s