Arquivo da tag: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH)

Epidemia Urbana

O controle de epidemias preocupa o Brasil. Compreender as condições que contribuem para a ocorrência de tais epidemias possibilita a elaboração de medidas de prevenção mais adequadas. O número histórico de ocorrências de dengue no ano de 2014, em Campinas, está sendo alvo de um estudo para analisar os aspectos da população e do ambiente urbano que propiciaram o desenvolvimento do Aedes aegypti, mosquito que impressiona por veicular atualmente no País, além da dengue, também a chikungunya e o vírus da zika.

Igor Cavallini Johansen, doutorando em Demografia, no Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH), desde a iniciação científica pesquisa epidemias da doença, utilizando métodos sofisticados.

O doutorando explica que Campinas apresenta condições climáticas favoráveis ao desenvolvimento do Aedes aegypti. A isso se soma uma demanda ainda não plenamente atendida por equipamentos e serviços urbanos mais eficientes, provimento de água, além de coleta e destinação adequada de esgoto e lixo. Enfatiza que a desigualdade social ainda é aguda na cidade. “Com base em estudos anteriores, constatamos que a Rodovia Anhanguera era e continua sendo uma grande marca da separação entre grupos populacionais em Campinas. Em termos gerais, a população abastada reside principalmente na porção norte do município, enquanto no sul estão alocados aqueles com piores condições socioeconômicas.

Imagem

“Analisamos, então, como as características desses grupos populacionais e do ambiente urbano em que vivem podem ter influenciado a ocorrência da epidemia histórica de dengue que marcou a cidade em 2014”.

Com orientação do professor Roberto Luiz do Carmo e co-orientação da professora Luciana Correia Alves, ambos do Departamento de Demografia do IFCH, o pesquisador utilizou como subsídios ao seu trabalho dados da Secretaria Municipal da Saúde de Campinas. Para a pesquisa, empregou o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM), que permitiu evidenciar desigualdades sociais intraurbanas. Comparou, utilizando ferramentas de análise espacial, a distribuição da variável IDHM com a taxa de incidência de dengue em diferentes regiões do município. O cruzamento dessas variáveis no nível intraurbano nunca havia sido realizado para um município brasileiro.

A análise preliminar dos dados mostrou que os casos da doença tiveram início principalmente na região sul (onde se localizam os grupos em piores condições de moradia) e depois se estenderam em direção ao norte, chegando ao distrito de Barão Geraldo, uma das regiões mais afluentes do município.

O objetivo, a partir de agora, é avançar para a análise de como outros aspectos da dinâmica da população podem ter afetado a ocorrência desta epidemia, por exemplo, a mobilidade. Isso porque existe uma transferência maciça diária de grupos populacionais por todo o município. Esses fluxos populacionais podem ter favorecido o processo de distribuição da doença para as diferentes regiões de Campinas. “Essa busca por compreender a relação entre mobilidade populacional e casos de dengue é inédita na literatura científica da área”.

Outro aspecto que perpassa a pesquisa é a multicausalidade da dengue. Além das políticas de controle implementadas pela Prefeitura Municipal, o pesquisador aponta como fator preponderante para a ocorrência da doença a incerta colaboração da própria população, com o descarte inadequado de resíduos. A especulação imobiliária, que mantém imóveis fechados por longos períodos de tempo, dificulta a fiscalização de criadouros.

Johansen enfatiza que sua tese busca evidenciar a complexidade enfrentada no controle da dengue pelo fato de a doença ser transmitida por um mosquito com capacidade imensa em se adaptar ao modo como nossas cidades foram organizadas historicamente e aos hábitos da população urbana.

 

Igor Cavallini Johansen (igor@nepo.unicamp.br)

 

Fonte:

https://www.prp.unicamp.br/sites/default/files/revista/fb_REVISTA-3/index.html

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Demografia da Unicamp, População e Ambiente, Saúde, UNICAMP, Urbanização

Chamada: São Paulo School of Advanced Science on Research Methods for the Humanities

school

O Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) convida estudantes de Graduação, Pós-Graduação e jovens Doutores a participarem da Escola São Paulo de Ciência Avançada (ESPCA) em Metodologia em Ciências Humanas.

A ESPCA é uma iniciativa da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), que financia a organização de cursos de curta duração em pesquisa avançada nas diferentes áreas do conhecimento no Estado de São  Paulo.

A ESPCA em Metodologia em Ciências Humanas será realizada de 10 a 21 de julho de 2017 na Unicamp (Campinas, São Paulo, Brasil). Os cursos serão ministrados em língua inglesa, com um total de 20h cada, e os estudantes selecionados serão integralmente financiadospela Fapesp. Além de participar dos cursos, os alunos deverão apresentar as pesquisas que desenvolvem em workshops.

Os alunos inscritos deverão realizar dois dos oito cursos oferecidos pela escola, sendo um em cada semana (10 a 14/7 e 17 a 21/7):

●     Análise Histórica dos Acontecimentos

●     Projeções Populacionais

●     Análise Multinível aplicada às Ciências Sociais

●     Análise Qualitativa e Métodos Mistos

●     Experimentos em Ciências Sociais

●     Etnografia Digital

●     Etnografia em arquivos: entrecruzamento entre Antropologia e  História

●     Redes de Parentesco

Para se inscrever, o candidato deve submeter cinco documentos para análise (os documentos podem ser enviados em inglês, português ou  espanhol):

●     Justificativa redigida pelo candidato(a) especificando a importância dos cursos para sua formação e informando a previsão de conclusão de graduação, mestrado ou doutorado.

●     Resumo de uma página do projeto de pesquisa desenvolvido pelo  candidato(a).

●     Carta de recomendação do(a) orientador(a) do(a)  candidato(a).

●     Histórico escolar atualizado.

●     CV com aspectos relevantes da atuação científica (inclusive publicações em revistas científicas internacionais de impacto).

Mais informações estarão disponíveis em: www.ifch.unicamp.br/ESPCA a partir de 02/03/2017.

As inscrições serão realizadas por esse site no período de 20/03/2017 a 31/03/2017.

A divulgação dos selecionados será em 20/04/2017.

Deixe um comentário

Arquivado em Curso

Concurso de Monografias 2015 – IFCH/UNICAMP

O Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH) da UNICAMP divulgou hoje o resultado de seu concurso de monografias. A monografia vencedora foi “Agroindústria e Reorganização do Espaço em Lucas do Rio Verde (MT)”, de Kelly Cristina de Moraes Camargo (discente) e o Roberto Luiz do Carmo (orientador). Kelly é, atualmente, mestranda do Programa de Pós-Graduação em Demografia da UNICAMP.

Para mais informações sobre a monografia vencedora, acesse:

http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=000943149&opt=1

Parabéns à Kelly, ao seu orientador e a todos demais trabalhos em destaque no concurso.

Abaixo o resultado completo:

______________________________________________

A Comissão responsável comunica o resultado do XXIII Concurso de Monografias de Graduação, do IFCH, Unicamp, 2015.

Monografia Vencedora
Agroindústria e Reorganização do Espaço em Lucas do Rio Verde (MT)
Discente: Kelly Cristina de Moraes Camargo
Orientador: Prof. Dr. Roberto Luiz do Carmo

Menção Honrosa
Capas, Espadas e Sandálias: representações da antiguidade no cinema e na televisão
Discente: Victor Henrique da Silva Menezes
Orientador: Prof. Pedro Paulo A. Funari

“Cousas Futuras” em Machado de Assis: conflitos e incertezas em torno de 28 de setembro de 1871
Discente: Laila T. Correa e Silva
Orientador: Sidney Chalhoub

Comunica ainda, o reconhecimento da alta qualidade dos trabalhos apresentados.

COMISSÃO DE PUBLICAÇÕES
Prof. Dr. Jesus José Ranieri  (Coordenador Geral)
Prof. Dr. Frederico N. R. de Almeida (Coordenador  Coleções Avulsas)
Prof. Dr. Márcio Augusto Damin Custódio
Profa. Tirza Aidar

______________________________________________

2 Comentários

Arquivado em População e Ambiente

PROCESSO SELETIVO 2013/2014 – PÓS-GRADUAÇÃO EM DEMOGRAFIA

Demo_Unicamp-001

Foto: Professores e alunos da Pós-Graduação em Demografia da UNICAMP no XVIII Encontro Nacional de Estudos Populacionais (ABEP), 2012, em Águas de Lindóia (SP).

Inscrições para o Processo Seletivo: 1 de agosto a 1 de outubro de 2013

Maiores informações clique aqui

 

Deixe um comentário

Arquivado em Informações Úteis, Notícias